Apresentação

O CREMESP – Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo é uma autarquia federal, criada a partir da Lei nº 3.268/57 e que tem, como principais missões, supervisionar a ética profissional, julgar e disciplinar a classe médica, cabendo-lhe zelar e trabalhar por todos os meios ao seu alcance, pelo perfeito desempenho ético da medicina e pelo prestígio e bom conceito da profissão, e dos que a exerçam legalmente.

Este Regional desenvolve serviço de interesse público por delegação do Poder Público, fundamentado em mais de quarenta anos de história a serviço dos médicos e da saúde.

As atividades do CREMESP estão concentradas em ações do tipo:

1) Fiscalizadora- responsável pela fiscalização das instituições de Assistência Médica para o justo exercício de suas atividades;

2) Judicante- responsável pelo recebimento, apuração e julgamento de denúncias relacionadas à má conduta profissional, rigorosamente de acordo com o Código de Ética Médica, Resoluções e Normas publicadas pela instituição e pelo Conselho Federal de Medicina (CFM);

3) Cartorial- responsável pelo registro de diplomas, títulos de especialidades, inscrições, transferências do CRM e pelo cadastro de Pessoas Física e Jurídicas.

O CREMESP também participa de movimentos sociais que exigem melhor qualidade de atendimento e plena realização profissional na área da saúde, além de lutar pela melhoria do ensino médico no Estado de São Paulo.



Missão, Visão e Valores

Missão
Servir à sociedade assegurando o exercício ético da Medicina.

Visão
Ser uma instituição reconhecida pela excelência, conectada aos anseios dos médicos e da sociedade e ágil nas propostas aos desafios crescentes na prática médica.

Valores
Idoneidade, competência, credibilidade, respeito e dignidade.

Política de Qualidade
A Política de Qualidade de Cremesp estabelece os seguintes princípios:
 
Comprometimento com a melhoria contínua dos processos
Realizar a prestação de serviços com eficiência e agilidade
Expandir a cultura da qualidade
Modernizar e integrar os sistemas informatizados
Estimular a motivação e integração das pessoas
Seguir as normas internas e a legislação aplicável
Promover conteúdo e conhecimento por meio de uma comunicação integrada